Trinta E Seis Semanas De Gestação

 

Reta final! As últimas semanas de gravidez estão aí, mas, ao mesmo tempo, o tempo parece passar tão devagar agora…

O melhor é não ter pressa mesmo. Lembre-se de que uma gestação é considerada “a termo” a partir de 39 semanas

O mais provável é que seu bebê esteja na posição certa para nascer, ou seja, de cabeça para baixo. No Brasil, poucos médicos fazem parto vaginal quando o bebê está sentado. Se o bebê não virar até a hora do parto, você provavelmente terá de fazer uma cesariana.


Obs.: Segundo os especialistas, cada bebê se desenvolve em seu próprio ritmo, até dentro do útero. 

Como fica sua vida

Agora que o bebê está grande, pressionando todos os seus órgãos, pode ser que você não tenha mais tanta fome quanto tinha há algumas semanas. É melhor comer pequenas porções e com mais frequência. Leia mais sobre como se alimentar bem neste finzinho de gravidez.

A falta de ar é um sintoma desagradável dessa fase. Avise o médico, porém, se tiver falta de ar em consequência de uma gripe. Grávidas ficam mais sujeitas a infecções, portanto é sempre bom ficar atenta.

Se for seu primeiro filho, em algum momento daqui para a frente o bebê pode encaixar. Caso isso aconteça, seus pulmões e seu estômago terão um refresco: vai ficar mais fácil respirar e comer.

Andar, porém, é outra história. Algumas mulheres dizem que parece que o bebê vai despencar a qualquer momento. Sabe aquelas grávidas que só conseguem sentar de pernas abertas? Então.

Para mães de segunda viagem ou mais, o bebê normalmente só “desce” poucas horas antes do parto.

Esquecida

Você anda esquecendo compromissos? Está difícil trabalhar? A sensação de estar avoada é comum neste último trimestre.

Além das mudanças hormonais, você provavelmente não está dormindo direito de tantas vezes que precisa levantar para fazer xixi. Tem um monte de coisas para organizar, e não consegue parar de pensar em como vai ser o parto e o rostinho do bebê. Para ajudar, relembre as táticas para dormir bem na gravidez.

É ótimo guardar o máximo de licença-maternidade para depois do parto, mas não precisa ser super mulher: se você estiver se sentindo muito pesada e estiver difícil trabalhar, converse com o obstetra.

Fonte: Baby Center.

Deixe seu comentário